5 abril 2018

A França tem várias centenas de migrantes que precisam de serviços de água e saneamento. Em áreas da costa norte do país há pessoas que vivem em tendas, sem banheiros e banham-se em rios ou lagos poluídos.

O relator especial sobre o direito à água e ao saneamento diz que é preciso muito mais atenção das autoridades locais e nacionais sobre este tema .

Leo Heller foi entrevistado por Eleutério Guevane, da ONU News.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud