Conselho de Segurança escuta histórias de terror sobre o Boko Haram
BR

4 março 2017

Embaixadores do órgão estão no Chade e visita faz parte da missão aos países da Bacia do Lago Chade; diplomatas conversaram com sobreviventes do grupo terrorista; Conselho não quer mais que crise seja negligenciada.

Leda Letra, da ONU News em Nova Iorque.

O Conselho de Segurança da ONU está este sábado no Chade, parte de uma visita a quatro países da Bacia do Lago Chade. A missão tem o objetivo de chamar a atenção para a crise humanitária na região, que atinge 11 milhões de pessoas.

Na capital chadiana N’Djamena, os embaixadores encontraram-se com o primeiro-ministro Albert Pahimi Padacké e com tropas dos Camarões, Chade, Níger e Nigéria, que estão combatendo o grupo terrorista Boko Haram.

Crise negligenciada

O Conselho de Segurança saudou esforços para conter as ações da milícia e destacou a importância de mais cooperação regional. O embaixador do Reino Unido na ONU, Matthew Rycroft, declarou no Chade que o grupo ouviu histórias de sobreviventes.

O embaixador inglês disse que o Conselho não quer que a crise na Bacia do Lago Chade continue sendo negligenciada pelo mundo. Rycroft e os outros diplomatas ouviram relatos de dois jovens que sobreviveram à violência dos terroristas.

Heróis

Um garoto contou que tinha 13 anos quando o Boko Haram atacou o vilarejo onde vivia e matou seus familiares e amigos. Outro menino tinha apenas 10 anos quando foi sequestrado pelo grupo e conseguiu escapar em 2014. Desde então, ele vive num acampamento para deslocados internos.

Para o embaixador Matthew Rycroft, esses jovens são “muito mais do que heróis”. A delegação segue ainda para o Níger neste fim de semana, e na sequência, para a Nigéria.

Notícias Relacionadas:

Conselho de Segurança segue em missão na Bacia do Lago Chade

Conferência humanitária de Oslo levanta US$ 672 milhões para crise na África

FAO: crise de fome na Nigéria e países vizinhos piora de forma drástica 

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud