Ban quer ação para ajudar refugiados e iniciativas de infraestrutura
BR

17 abril 2016

Secretário-geral participou este sábado de fórum na reunião de primavera do Banco Mundial-FMI; ele afirmou que vai trabalhar para que todo investimento no setor seja ambientalmente sustentável.

Edgard Júnior, Rádio ONU, Nova York.

Crise de refugiados e investimento em infraestrutura foram os pontos principais dos discursos do secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, este sábado, durante a reunião de primavera do Banco Mundial e do Fundo Monetário Internacional.

Ban disse que “o grande deslocamento de refugiados e migrantes é uma questão para uma ação multilateral mais concentrada”.

Trabalho Coletivo

Segundo o chefe da ONU, a comunidade internacional deve fortalecer os mecanismos de cooperação e aumentar o trabalho coletivo”.

O secretário-geral disse que os governos estão buscando soluções e, geralmente, estão respondendo com o fechamento de fronteiras e a prisão de refugiados e migrantes, entre outras medidas.

Com o objetivo de fortalecer o apoio, a ONU vai realizar reunião de alto-nível em setembro para lidar com a crise de refugiados.

Energia e Água

Mais cedo, Ban falou sobre a necessidade de mais investimentos em infraestrutura para reduzir a lacuna nos setores de fornecimento de energia e de acesso à água e saneamento.

O objetivo do Fórum é melhorar a coordenação entre as iniciativas de novas infraestruturas e as já existentes, unindo Bancos de Desenvolvimentos nacionais e multilaterais, agências da ONU e parceiros, além do setor privado.

Ban afirmou que “todos juntos vão permitir que várias vozes possam ser ouvidas”.

O secretário-geral assegurou que vai trabalhar para que todo investimento feito no setor de infraestrutura seja ambientalmente e economicamente sustentável.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud