Conselho de Segurança condena teste de míssil norte-coreano
BR

16 abril 2016

Apesar de o lançamento ter fracassado, Estados-membros afirmaram que ação representa uma violação clara de várias resoluções da ONU.

Edgard Júnior, Rádio ONU, Nova York.

O Conselho de Segurança condenou o teste de míssil balístico realizado esta sexta-feira pela Coreia do Norte.

Apesar de o lançamento ter fracassado, a ação do governo norte-coreano representa uma clara violação de cinco resoluções da ONU aplicadas contra o país desde 2006.

Obrigações

Os Estados-membros reiteraram que a Coreia do Norte deve evitar mais violações e deve também cumprir com todas as obrigações de acordo com os documentos.

Os representantes dos países enfatizaram a importância do trabalho da comissão criada em 2006 pelo Conselho de Segurança para supervisionar o cumprimento das medidas aplicadas contra o país asiático.

Eles pediram a todos os Estados-membros que redobrem os esforços para implementar as medidas impostas por todas as resoluções da ONU.

Os integrantes do Conselho reiteraram ainda a importância de se manter a paz e a estabilidade na Península Coreana e por toda a região. Eles expressaram compromisso para alcançar uma solução pacífica, política e diplomática para resolver a situação.

Além disso, saudaram os esforços feitos pelos membros do Conselho, como também de outros países, para chegar a uma solução pacífica e abrangente através do diálogo.

Os Estados-membros concordaram que o Conselho de Segurança continuará monitorando de perto a situação e adotando medidas significativas de acordo com as resoluções já implementadas.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud