Unaids quer que remédios contra Aids continuem acessíveis e baratos
BR

24 setembro 2015

Agência da ONU pediu a governos e empresas farmacêuticas que mantenham promessa; atualmente mais de 15 milhões de pessoas têm acesso a esse tipo de medicamento no mundo, comparado com 700 mil em 2000.

Edgard Júnior, da Rádio ONU em Nova York.

O Programa Conjunto da ONU sobre HIV/Aids, Unaids, quer que governos e a indústria farmacêutica cumpram a promessa de manter os remédios contra a doença acessíveis e baratos.

A agência da ONU fez o pedido no momento em que líderes mundiais estão reunidos em Nova York para a Cúpula das Nações Unidas sobre o Desenvolvimento Sustentável, que começa sexta-feira, 25 de setembro, e vai até domingo.

Aumentos

Segundo o Unaids, “os drásticos aumentos dos preços de alguns medicamentos estão causando preocupações quanto à disponibilidade no mercado e os efeitos na saúde pública de uma forma geral”.

Segundo o diretor-executivo da agência, Michel Sidibé, tanto governos como as empresas farmacêuticas têm a responsabilidade de assegurar que esses remédios continuem acessíveis a todos.

Sidibé disse que “a resposta contra a Aids é uma prova de que o acesso a remédios baratos e eficazes pode conter e reverter uma epidemia”.

15 Milhões

Atualmente, mais de 15 milhões de pessoas têm acesso aos medicamentos antirretrovirais para combater a doença, comparado com menos de 700 mil registrados no ano 2000.

O Unaids quer atingir a meta de tratamento 90-90-90 até 2020, com o objetivo final de erradicar a Aids, como uma ameaça de saúde pública, até 2030.

A meta é fazer com que 90% das pessoas que vivem com o HIV saibam que têm o vírus. Além disso, é importante que 90% dos que tenham HIV recebam tratamento e que também 90% das pessoas em tratamento tenham conseguido controlar o vírus.

Sidibé declarou que “todas as pessoas no mundo têm direito à saúde, sem importar onde nasceram ou quem elas sejam”.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud