Embaixadores do Unaids pedem solidariedade para as pessoas com HIV
BR

1 dezembro 2014

Em comunicado, o jogador brasileiro David Luiz disse que as novas infecções da doença estão diminuindo; grupo alerta que alguns desafios continuam e precisam ser combatidos.

Edgard Júnior, da Rádio ONU em Nova York.

Os Embaixadores da Boa Vontade do Unaids lançaram esta segunda-feira um comunicado conjunto pedindo solidariedade para as pessoas que vivem com o HIV.

A iniciativa foi para marcar o Dia Mundial de Combate à Aids, este 1º de dezembro. Entre os embaixadores está o jogador brasileiro David Luiz.

Infecções

Na nota, eles disseram que as novas infecções da doença estão diminuindo, que existem tratamentos simples e melhores, e que as pessoas com HIV estão vivendo mais tempo e de forma saudável.

Mas o grupo, que inclui também a atriz britânica Naomi Watts, o jogador alemão Michael Ballack, a ex-cantora Victoria Beckham e a princesa Stéphanie, de Mônaco, informou que alguns desafios continuam e necessitam ser combatidos.

Segundo os Embaixadores da Boa Vontade, é importante diminuir a “lacuna” entre as pessoas que têm acesso a tratamento e serviços de proteção ao HIV e os que não têm.

Atitudes

Para eles, desigualdes de gênero, violações dos direitos humanos e até mesmo a atitude das pessoas podem deixar quem tem a doença para trás. O grupo afirmou que para acabar com a epidemia da Aids é preciso mudar atitudes, melhorar o sistema de saúde e respeitar os direitos humanos.

E ainda sobre o tema, na França, prefeitos de cidades do mundo inteiro assinaram a Declaração de Paris para acabar com a epidemia de Aids.

Ao firmarem o documento, eles prometem colocar suas cidades no rápido processo de combate à doença.

A meta é atingir o plano 90-90-90, isso quer dizer que até 2020 o objetivo é fazer com que 90% das pessoas que tenham HIV saibam que têm o vírus.

Assim como fornecer tratamento antiretroviral a 90% das pessoas que sabem que têm a doença e manter 90% dos doentes saudáveis e reduzir o risco de transmissão do HIV.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud