Unctad diz que comércio, biodiversidade e clima estão na agenda pós-2015

23 dezembro 2013

Congresso de Biocomércio da agência da ONU concluiu que os ecossistemas e a biodiversidade são fundamentais para uma variedade de bens e serviços.

Edgard Júnior, da Rádio ONU em Nova York.*

A Conferência das Nações Unidas sobre Comércio e Desenvolvimento, Unctad, afirmou que as sinergias entre o comércio, a biodiversidade e as mudanças climáticas estão na agenda pós-2015.

Os representantes que participaram, este mês, do segundo Congresso de Biocomércio em Genebra, disseram que as contribuições feitas pelos ecossistemas e pela biodiversidade são fundamentais para uma variedade de bens e serviços.

Valor Comercial

Segundo a Unctad, o valor comercial dos produtos derivados da biodiversidade mostra a importância do setor no crescimento da economia verde.

Cálculos realizados pela Convenção sobre Diversidade Biológica indicam que só os ingredientes naturais usados pela indústria de cosméticos valem US$ 26 mil milhões.

O valor é quase o mesmo em relação à indústria de bebidas, mas aumenta para US$ 43 mil milhões no caso da agricultura e para US$ 85 mil milhões no caso dos produtos botânicos.

Sucesso

A Unctad explica que esse sucesso se deve, principalmente, pelo interesse e conhecimento dos consumidores na escolha de bens e serviços que não prejudiquem o meio ambiente.

A agência da ONU cita que as vendas do chamado biocomércio atingiram US$ 4,1 mil milhões em 2011, um aumento de 78% comparado com o ano anterior.

*Apresentação: Denise Costa

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud