Acnur: União Europeia doa U$ 86,3 milhões para Síria

20 dezembro 2013

Alto comissário da ONU para refugiados afirmou que dinheiro vai ser usado para ajudar sírios deslocados pela violência; António Guterres disse que essa é a maior contribuição feita pela EU.

Edgard Júnior, da Rádio ONU em Nova Iorque.*   

O Alto Comissariado das Nações Unidas para Refugiados, Acnur, anunciou a doação de US$ 86,3 milhões feita pela União Europeia para a Síria.

O chefe do Acnur, António Guterres disse que o dinheiro vai ser usado para ajudar os sírios deslocados por causa da violência no país.

Apoio

Segundo Guterres, a agência da ONU poderá fornecer apoio vital aos que sofrem com a maior crise humanitária do mundo. O representante afirmou tratar-se da maior doação já feita pela UE.

O anúncio ocorre dois dias depois do apelo feito pela organização e parceiros de US$ 6,5 mil milhões para a Síria. Este é o maior pedido já feito para uma única emergência humanitária.

O alto comissário disse que todos devem fazer o possível para ajudar as pessoas que perderam tudo devido ao conflito armado. Guterres afirmou que a prioridade da sua agência é aumentar o apoio nos países vizinhos durante o inverno.

Regiões de Fronteira 

O responsável explicou que a grande maioria dos refugiados sírios vive nas regiões de fronteira, onde as necessidades são imensas.

A alta comissária da União Europeia para ajuda humanitária, Kristalina Georgieva, disse que a colaboração da UE com as principais agências da ONU é vital para a assistência fornecida pela Europa para o país árabe.

Segundo o Acnur, mais de 2,3 milhões de pessoas fugiram da Síria desde o início do conflito em março de 2011. Isso representa um dos maiores êxodos de refugiados da história recente.

O Acnur disse ainda que 6,5 milhões de sírios estão deslocados dentro do próprio país.

*Apresentação: Denise Costa.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud