ONU encoraja malianos a aderir à votação para presidenciais de domingo

26 julho 2013

Secretário-Geral reitera apelo para que o processo seja pacífico, credível, transparente; informações oficiais apontam para a participação de 27 candidatos.

Eleutério Guevane, da Rádio ONU em Nova Iorque.

As Nações Unidas consideraram a votação para as presidenciais malianas um passo vital para restaurar a ordem constitucional no país em crise. A realização do pleito está agendada para este domingo.

Em nota, o Secretário-Geral incentivou os cidadãos a depositar o seu voto e a garantir que as eleições sejam livres e justas.

Crise Política

Os malianos devem escolher entre 27 candidatos, nas eleições que se espera que venham a por fim à crise política iniciada com o golpe militar contra o presidente Amadou Toumani Touré em março de 2012. Após a ação, o norte do país foi controlado por rebeldes separatistas e milícias islamitas.

A mensagem de Ban Ki-moon reitera o seu apelo para que o processo seja pacífico, credível, transparente e acordo com as aspirações do povo do Mali.

Importância

Os envolvidos são exortados a garantir que o processo eleitoral decorra de forma ordenada.

O chefe da ONU revelou reconhecimento da importância das eleições para a restauração da ordem constitucional e do diálogo e reconciliação nacional. Mas destaca que a eleição será um passo importante no percurso para a recuperação do país da África Ocidental.

Minusma

Ban reafirma o apoio contínuo da ONU para a paz do Mali e processo de estabilização ao lembrar a presença da comunidade internacional através da Missão Integrada Multidimensional Estabilização no Mali. A Minusma opera no país deste o princípio de julho.

No pronunciamento, o Secretário-Geral  também menciona a necessidade de garantir que quaisquer disputas pós-eleitorais sejam resolvidas por meios pacíficos e legais.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud