Japão dará US$ 32 mil milhões para desenvolvimento sustentável em África

4 junho 2013

Anúncio ocorreu durante Conferência Internacional em Tóquio, no Japão; quantia ajudará setores da saúde, agricultura, comércio e infraestrutura; 1 mil milhão irá para segurança e assistência humanitária na região do Sahel.

Mônica Villela Grayley, da Rádio ONU em Nova Iorque.*

O continente africano recebeu uma promessa de ajuda de US$ 32 mil milhões do governo do Japão. O anúncio foi feito durante a Conferência Internacional sobre Desenvolvimento Africano, na capital japonesa de Tóquio.

Ao encontro, compareceram líderes de 50 países de África. De acordo com o primeiro-ministro japonês, Shinzo Abe, a quantia deve ser usada para alavancar o crescimento económico do continente assim como o desenvolvimento sustentável.

Ações de Paz e Estabilidade

O dinheiro será destinado às áreas de comércio, infraestrutura, agricultura, saúde e ao setor privado. O objetivo é promover ainda ações de paz e estabilidade nos próximos cinco anos. 

Deste total, US$ 1 mil milhão devem ser utilizados em assistência humanitária e de segurança na região do Sahel, e numa iniciativa para ajudar dezenas de milhares de africanos a encontrar um emprego.

O documento final da conferência, batizada de Declaração de Yokohama, conclama todas as nações africanas a revelarem o potencial de mercado e de negócios do continente. O texto pede ainda a promoção de segurança alimentar e de criação de postos de trabalho.

Com base no Plano de Ação, divulgado nesta segunda-feira, África deve encarar um crescimento de 6% na agricultura e dobrar a produção de arroz até 2018. Os participantes também concordaram com a redução de desastres e o combate às mudanças climatéricas.

*Apresentação: Denise Costa.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud