Síria deve dominar “uma das mais movimentadas” Assembleias Gerais da ONU

20 setembro 2012

Secretário-Geral anuncia presença de mais de uma centena de chefes de Estado e de governo; evento vai fazer pressões para a entrada em vigor do Tratado Abrangente de Proibição de Testes Nucleares.

Eleutério Guevane, da Rádio ONU em Nova Iorque.

O Secretário-Geral da ONU avançou que a questão Síria deve dominar a agenda dos debates da Assembleia Geral “das mais movimentadas de sempre.”

Falando a jornalistas nesta quarta-feira, em Nova Iorque, Ban Ki-moon disse que a previsão para o evento, a decorrer de 25 de Setembro a 1 de Outubro, reflete um tempo tumultuoso marcado pela “turbulência e pela transição”no mundo.

Líderes

A ONU prevê a participação de mais de 120 líderes mundiais, dos quais 105 chefes de Estado e de governo.

De acordo com o Secretário-Geral, o evento anual inclui encontros paralelos para discutir o Estado de Direito, a erradicação da poliomielite, o desarmamento, a energia sustentável e a nutrição.

Terrorismo Nuclear

Segundo Ban Ki-moon, a agenda inclui ainda o debate sobre a ameaça do terrorismo nuclear, além das pressões para a entrada em vigor do Tratado Abrangente de Proibição de Testes Nucleares.

A 67ª Sessão da Assembleia Geral será marcada pelo lançamento de uma iniciativa da organização denominada “Educação Primeiro”.

Soluções

Ban também se referiu à necessidade da busca de soluções, por parte da ONU, para questões como o aumento da desigualdade e desemprego, das temperaturas e da intolerância.

Além da deterioração da situação na Síria, as discussões devem abordar igualmente as transições em Mianmar e no Iémen

África será abordada nas mini-cimeiras e reuniões especiais com destaque para a situação de emergência na região do Sahel, os progressos na Somália, a instabilidade na República Democrática do Congo e as relações entre o Sudão e o Sudão do Sul.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud