Entrevista: Maria Nazareth Farani Azevêdo

17 setembro 2012

A embaixadora do Brasil em Genebra defende que a assistência internacional não condicionada é uma “marca brasileira bem-sucedida”, no âmbito da Cooperação Sul-Sul.

Em entrevista à Rádio ONU, da cidade suíça, a diplomata fala de projetos conjuntos com o Haiti, África e outros pontos do mundo. Como refere, a  intervenção inspirou países como os Estados Unidos para a busca da parceria triangular, um modelo que aplica princípios e diretrizes da Cooperação Sul-Sul .

Maria Nazareth Farani Azevêdo aborda também a viabilidade da descentralização da cooperação para esta envolva, igualmente, as organizações internacionais.

Nesta conversa, tida nas vésperas da apresentação do relatório sobre a Síria no Conselho dos Direitos Humanos, a embaixadora refere-se à posição brasileira relativamente às tensões no país do Médio Oriente.

Acompanhe a entrevista a Eleutério Guevane.

Tempo Total: 10'09''.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud