Brasileiros gastaram US$ 21 bilhões no exterior em 2011
BR

8 maio 2012

Brics são destaque em balanço da Organização Mundial do Turismo; receitas globais do setor ultrapassaram US$ 1 trilhão no ano passado.

Leda Letra, da Rádio ONU em Nova York.

Os turistas brasileiros gastaram no exterior US$ 21 bilhões, ou mais de R$ 40 bilhões, no ano passado. Os números foram divulgados nessa segunda-feira pela Organização Mundial do Turismo, OMT.

Os Brics, grupo formado pelo Brasil, Rússia, Índia e China, são o destaque do “Barômetro Mundial do Turismo.” Segundo o documento, os gastos da China com turismo internacional aumentaram de US$ 18 bilhões para US$ 73 bilhões em 2011. Turistas russos e indianos também gastaram mais em outros países.

Américas e Europa

O balanço da OMT aponta para um recorde nas receitas do turismo internacional em todo o mundo: US$ 1 trilhão, um aumento de 3,8% em relação a 2010.

As chegadas de turistas internacionais aumentaram 4,6%. O continente americano foi a região que teve maior crescimento nas receitas geradas a partir do turismo no ano passado: 5,7%.

Na Europa, o aumento foi de 5,2%, seguida pela Ásia-Pacífico e África. O Oriente Médio foi a única região do mundo que apresentou queda: menos 14% nas receitas de turismo, na comparação com 2010.

Setor Estratégico

Para a OMT, os números confirmam que o setor continua se recuperando das perdas geradas pela crise econômica de 2009. O secretário-geral da agência classificou os resultados como “encorajadores”.

Taleb Rifai lembrou que em países que enfrentam pressão fiscal, o  turismo é “estratégico para balancear déficits externos e estimular a criação de empregos.”

Segundo a OMT, viagens e transporte de passageiros representam 30% das exportações mundiais de serviços.