Construção da Paz ganha reforço do Banco Africano de Desenvolvimento

20 março 2012

A Guiné-Bissau é um dos seis países, acompanhados pelo organismo que agora passa a ver renovada a parceira com o BAD para evitar o regresso ao conflito.

João Rosário, da Rádio ONU em Lisboa.

A Comissão da ONU de Consolidação da Paz e o Banco Africano de Desenvolvimento, BAD, estão a reforçar a parceria na ajuda aos países saídos de conflitos em África.

Os países que estão na agenda da Comissão da ONU no presente são a Guiné-Bissau, a Guiné-Conacri, a República Centro-Africana, a Libéria, a Serra Leoa e o Burundi.

Trabalho Conjunto

Na apresentação de um relatório, esta segunda-feira, à Assembleia Geral da ONU,  o antigo presidente do BAD, Eugène-Richard Gasana, disse que ao aprofundar a colaboração “há uma visão muito melhor em áreas concretas onde as duas instituições podem trabalhar em conjunto no apoio às prioridades da agenda da comissão na  construção da paz”.

A parceria seria nas áreas da sensibilização e mobilização de recursos, política de diálogo nas matérias mais difíceis da construção da paz e numa possível colaboração nas actividades do Fundo para Consolidação da Paz.

Recomendações

O relatório apresenta um novo roteiro a ser desenvolvido este ano para centrar a atenção nas prioridades e nos resultados da Comissão da ONU.

O relatório nota que, apesar os progressos em curso, a Comissão ainda aguarda uma reflexão mais activa em relação à crescente importância da construção da paz no sistema das Nações Unidas e, “mais importante, do trabalho realizado dos seus organismos principais”, segundo se pode ler no documento.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud