Haiti se prepara para a nova estação de furacões no país
BR

14 fevereiro 2012

Organização Internacional para Migrações, OIM, e órgãos do governo haitiano publicaram as primeiras diretrizes sobre o uso e funcionamento de abrigos temporários.

[caption id="attachment_211522" align="alignleft" width="350" caption="Construções em Porto Príncipe"]

Mônica Villela Grayley, da Rádio ONU em Nova York.

Meses antes da estação de furacões no Haiti, agências internacionais e o governo do país já estão se preparando para as possíveis consequências das tempestades tropicais.

Na sexta-feira, a Organização Internacional para Migrações, OIM, publicou com autoridades haitianas as primeiras diretrizes sobre o funcionamento de abrigos. O guia também orienta sobre evacuações e o treinamento de voluntários da defesa civil.

Eventualidade

O chefe da OIM no Haiti, Luca Dall'Oglio disse que o importante é assegurar que o pessoal de resgate está sendo bem treinado para qualquer eventualidade. Todos os anos, o Haiti e a República Dominicana são atingidos por furacões.

A encarregada de informação da agência, Yara Costa, falou à Rádio ONU, de Porto Príncipe, sobre a ação.

“A OIM já identificou mais de 400 locações, abrigos, que estão preparados no caso de evacuação. Locais que estão preparados para abrigar as pessoas mais vulneráveis, vítimas de possíveis desastres naturais.”

Uma das preocupações dos organizadores é o exame de estruturas de prédios e edifícios e do estado de centros de recuperação.

A OIM está apoiando a avaliação de 500 abrigos de evacuação ao redor da ilha caribenha. Já foram construídos ou recuperados um total de 29 centros.

Ao todo serão instalados 500 centros de emergência. Entre os participantes do treinamento estão a Cruz Vermelha do Haiti e o Departamento de Proteção Civil.

Estragos

Parte da preocupação dos organizadores vem dos estragos causados com o terremoto de janeiro de 2010 que matou mais de 200 mil pessoas.

Muitos morreram por estarem em construções não resistentes a terremotos e até mesmo a tempestades tropicais.

O objetivo do Haiti e de organizações internacionais é reforçar a estrutura da ilha para evitar mortes em casos de novos desastres naturais.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud