Ban Ki-moon desvenda plano de ação para segundo mandato

25 janeiro 2012

O Secretário-Geral das Nações Unidas, Ban Ki-moon, apresentou à Assembleia Geral o seu plano de ação para os próximos cinco anos, onde incluiu o desenvolvimento sustentável, a prevenção de conflitos e a erradicação de infecções e doenças.

Mônica Villela Grayley, da Rádio ONU em Nova Iorque*.

O Secretário-Geral da ONU, Ban Ki-moon, apresentou a sua agenda de trabalho para os próximos cinco anos. Ban iniciou, no dia 01 de janeiro, o seu segundo mandato como líder das Nações Unidas.

Para os próximos cinco anos, o Secretário-Geral indicou cinco áreas-chave para construir o que chamou “o futuro que queremos”. Recorde-se que em setembro, Ban já tinha sublinhado os pilares desta ação: o desenvolvimento sustentável, a prevenção e mitigação de conflitos, direitos humanos e desastres naturais, a construção de um mundo mais seguro, o apoio a países em transição e a promoção dos direitos de mulheres e jovens.

Objetivos

No plano apresentado à Assembleia Geral, nesta quarta-feira, o Secretário-Geral falou sobre os objetivos para erradicação de doenças e infecções.

Ban Ki-moon afirmou que, nos próximos cinco anos, cinco doenças, consideradas as maiores causas de morte, serão eliminadas: malária, pólio, novas infecções em bebês causadas pelo HIV, tétano materno e neonatal, além da redução das taxas de mortalidade do sarampo em 95%.

O Secretário-Geral também propôs a realização de um Encontro da Cúpula Humanitária Mundial para a troca de experiências e a criação de uma entidade dedicada a parcerias dentro das Nações Unidas.

O presidente da Assembleia Geral, Nassir Abdulaziz Al-Nasser, discursou logo após a apresentação do plano de trabalho e elogiou Ban Ki-moon pelo que descreveu como “uma agenda ousada, focada e voltada para o futuro”.

*Apresentação: Joyce de Pina

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud