Dadaab: Busca desesperada de apoios para as vítimas da fome

5 agosto 2011

William Spindler, porta-voz do Alto Comissariado da ONU para Refugiados, Acnur, descreve a carência de recursos para lidar com o fluxo das vítimas da fome ao maior complexo de refugiados do Mundo, no Quénia.

Em entrevista à Rádio ONU, de Dadaab,  Spindler fala do processo de atendimento e acomodação de centenas de recém-chegados, na sua maioria somalis, ao local que alberga mais de 400 mil pessoas.

Acompanhe a entrevista a Eleutério Guevane.

*Atenção: O som do vento no campo de Dadaab atrapalha, em alguns momentos, a gravação.

Tempo: 4' 22''

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud